Use o cupom "NEW" e Ganhe até 20% OFF em todas as Artes!

O que a medicina e o quadro “O Beijo” têm em comum?

Sem dúvida o amor e a paixão estão no extremo oposto dos longos jalecos brancos e lâminas para microscópios de testes científicos. Não de acordo com a pintura O Beijo, de Gustav Klimt.

No ano em que pintou sua obra, Viena efervescia com a linguagem das plaquetas e células sanguíneas….
.
….especialmente nos arredores da Universidade de Viena, onde o próprio Klimt fora convidado, anos antes, a criar pinturas baseadas em temas médicos.

Karl Landsteiner, um imunologista pioneiro da universidade (o primeiro cientista a distinguir os grupos sanguíneos) estava trabalhando duro para fazer as transfusões de sangue serem bem-sucedidas.

Olhe mais de perto a curiosa estampa do vestido da mulher na pintura de Klimt e, de repente, você constata o que são: placas de Petri pulsando…
.
…com células, como se o artista nos tivesse oferecido uma tomografia da sua alma. O Beijo é a biópsia luminosa do amor eterno de Klimt.
.
👉Você GOSTOU dessa #NewsArt? 🤔 Deixe sua OPINIÃO nos comentários! 😉 ⬇

⚠️ SALVE esse post se você gostou, COMPARTILHE e MARQUE seus amigos que amam Arte! 😍

💡 SIGA 👉@brazilartes para mais Vídeos, Obras exclusivas e Curiosidades da Arte! 🎨 🖼

Fontes e Fotos: Kelly Grovier por BBC / Wikimedia Commons.

A colossal tela com mais de 6 metros quadrados que foi recusada pelo Salão Oficial de Paris
O Grito: o arquétipo de angústia que ainda povoa o imaginário popular de forma envolvente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 5 =

Fechar Carrinho de Compras
Fechar Favoritos
Obras vistas Recentemente Close
Fechar

Fechar
Menu da Galeria
Categorias
Chamar no WhatsApp!!
Estamos online! Como podemos te ajudar?
Brazil Artes • Galeria tá ONline!!!
Olá, estou online e com Descontão Especial para você 🤗
No caso de dúvidas, clique no botão abaixo para ser atendido! 🥰